rss
email
twitter
facebook

sábado, 5 de março de 2011

Produtos e marcas envolvidas com o Satanismo

Por Neiva Brum Teixeira Gomes

Antes de ir fazer missão nos E.U.A., eu acreditava em muita coisa que armavam de colagens e inventavam, a respeito da Procter&Glamber, Coca-cola, Walt Disney, e ao chegar lá descobri que tudo não passava de uma grande armação de concorrentes desonestos para vender mais. Por exemplo, me mostraram quando eu era mais nova que o dono da Procter&Glamber era satanista e até me mostraram recorte de jornal. Moral da História, o cara é de New Jersey, é cristão e sustenta muitos missionários no mundo todo. A fórmula da Coca-cola, por exemplo, foi criada por um Metodista e a sociedade de mulheres da Igreja Metodista nos Estados Unidos detêm uma parte das ações e ajudam a sustentar missionários, e quando elas descobriram que a Coca-cola do Brasil criou uma cerveja, a Kaiser, elas deram a eles meses para venderem, desfazer a marca ou passariam a representar Coca-cola no Brasil diretamente. Eles tiveram que vender rapidinho.

Walt Disney, antes de morrer, vendeu muitas ações do parque, e seus personagens, e acredite, para a Igreja Batista do Sul, a segunda maior Igreja americana, que ainda é detentora de 35 por cento das ações. No ano de 1985, os gays americanos (que fazem a maior passeata gay do mundo que duram 3 dias a cada ano), resolveram pedir para fechar o parque por 3 dias para que a passeata fosse lá na Disney da Flórida. A Igreja Batista do Sul juntou com outros acionistas, que eram católicos tradicionais, e formaram maioria e não permitiram. A partir daí, os gays começaram a avacalhar, por pura retalição a Disney, insinuando que houvesse mensagens subliminares nos desenhos da Disney com apologia à pornografia.

Em tempo, a Hello Kitty não é uma boneca sem boca que uma mulher americana que teve uma filha sem boca consagrou ao diabo, antes, trata-se de uma boneca estritamente japonesa, e os gatos lá, tanto como na China, são animais que, segundo se diz, traz saúde, paz e dinheiro, e tem uma turminha de gatos da qual a Hello Kitty faz parte.





* Trecho da resposta dada por Neiva Brum Teixeira Gomes, missionária metodista brasileira nos EUA, à uma amiga pelo orkut, depois que esta lhe enviou um vídeo que relacionava tais marcas e personagens ao Satanismo.

Fonte: Hermes Fernandes

5 comentários:

Anônimo disse...

Seria bom vocês colocarem uma interrogação no título, após a palavra "satanismo". Ficaria mais coerente com o texto. A princípio pensei que seria mais uma baboseira gospel. Dpois vim a entender a opinião do site.

James Moraes disse...

Maravilhoso! Em vez de ficar procurando satanismo em tudo e dizer que as celebridades e marcas tem pacto devemos é pregar a palavra. Queria pede permissaõ pra divulgar no meu blog essa matéria, fazendo referencia a fonte é claro, porém gostaria de mudar o título mesmo, pois este passa outra coisa

Djalma Oliveira disse...

James Moraes

fique a vontade, deixei o título original de propósito, exatamente por causar um impacto inicial.

Paz

Disley disse...

A matéria trouxe à luz uma questão muito grave. Todos os dias aparecem teorias de conspirações sem nenhuma procedência, e as igrejas dão seus púlpitos, para a pregação de mentiras, e difamações.

Perdemos a credibilidade, quando isto ocorre. Devemos certificar das fontes das notícias, antes de sair espalhando por aí.

Valeu pela utilidade pública irmãos!!

Anônimo disse...

Relamente interessante, como tem pregador , pastor falando essas bobagens, fui há um culto onde o Pastor falou que ovelha que bebe refrigerante Dolly era ovelha Dolly, tem um homem chamado Jose Yrion que se diz especialista nessa bobagens de mensagens subliminares, e como as ovelhinhas do Senhor acreditam em qualquer coisa, eles fazem sucesso.